Dororo | Primeiras Impressões

Dororo é um mangá clássico de Osamu Tezuka, um dos mangákas mais influente e antigo da indústria. Publicado em agosto de 1967 e finalizado em julho de 68, Dororo to Hyakkimaru como também é conhecido, contabilizou 4 volumes, uma adaptação em anime com 26 episódios e um Live action em 2007. Agora, na primeira temporada de 2019, depois de 50 anos de sua publicação, o icônico mangá de Mestre Tezuka ganha uma nova adaptação em anime com a parceria de dois estúdios, MAPPA e Tezuka Productions.

Dororo com o traço do Osamu na abertura do anime.

O anime começa nos apresentando o ritual onde Daigo Kagamitsu, buscando poder, realiza o pacto com 12 demônios depois de uma cena bem densa onde ele coloca suas crenças em jogo. Logo depois presenciamos o nascimento nada normal de Hyakkimaru, um dos protagonistas junto com Dororo. O bebê nasce sem vários órgãos e incrivelmente continuou vivo, era óbvio que essa era a maldição imposta em Daigo por procurar poder, mas pareceu que ele não esperava por isso, então Daigo abandona a criança.

Daigo Kagamitsu aguardando o parto no lado de fora 
“Hall of Hell”
Nascimento lindo do Hyakkimaru

Passam 16 anos e somos apresentados a Dororo, um pequeno garoto autointitulado maior ladrão do Japão. Um personagem que se mostrou muito experto para sua idade, que não é especificada mas aparenta ter 11/12 anos e ainda não deixa de ser extremamente carismático. No meio de uma briga, Dororo tem seu primeiro encontro com Hyakkimaru, que sobre uma ponte fazia observações aparentemente pro nada sem nem se importar com a briga abaixo dele.

Screenshot_5.png

Então, logo depois de um monstro, sem razão alguma aparente, aparecer e engolir todos os valentões Hyakkimaru mostra sua força derrotando-o em uma luta muito bem coreografada. Aqui, na minha opinião, é o ponto forte do episódio, posteriormente a luta, Dororo nota que Hyakkimaru não é um humano normal e que ele está mais para um boneco com vida e mesmo assim não o trata diferente.

Parece muito que o Dororo já fez isso antes, ele nem tá assustado.

E o episódio acaba com um gancho sensacional pro próximo episódio. Ver a máscara do Hyakkimaru caindo e logo depois a estátua de demônio quebrada deixou bem explicito como funciona o universo do anime e o que Hyakkimaru, com ajuda de Dororo, vai buscar no decorrer da obra: derrotar os demônios até restaurar todo seu corpo. Uma coisa que chamou atenção é que o Hyakkimaru foi bem mais protagonista nesse primeiro episódio que o Dororo o qual carrega o nome do anime, vamos ver como isso vai se desenrolar nos próximos episódios.
Por enquanto é isso, estou bastante animado pros próximos episódios e já estou me programando para ler o mangá e com isso conseguir abordar as situações do anime com mais propriedade. Esse foi meu primeiro post, então agradeço a todos leitores e peço que todos deem suas críticas construtivas sobre o post, pessoalmente acho que devia escrever mais mas como esse foi o primeiro não queria deixar maçante. Obrigado a todos novamente.

Ps: O encerramento além de ter uma música ótima tem imagens maravilhosas.

 

 

 

 

Anúncios

2 comentários

  1. Ótima review, cara! Não sou nenhum mestre em analisar reviews (visto que só conheço as reviews do Intoxi), mas ficou muito boa! Abordou os pontos certos sem deixar o texto maçante.

    Eu gostei demais desse primeiro episódio, animação, trilha sonora, personagem, TUDO! E diferente de você, eu gostei mais da opening.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.